Recrutamento e seleção: entenda a importância e como fazer

Tempo de leitura: 4 minutos

Como é o processo de recrutamento e seleção da sua empresa? Se você deseja montar uma equipe engajada e produtiva, ser certeiro nas contratações é um dos passos mais importantes.

 

Afinal, não é nada fácil analisar tantos currículos, realizar entrevistas e saber definir se um candidato é, ou não, o ideal para compor a sua equipe.

 

Entenda melhor, a seguir, o que é recrutamento e seleção, receba dicas de como fazer e confira a importância que esse processo tem para o seu negócio. Boa leitura!

 

Recrutamento e seleção: o que é?

 

Recrutamento e seleção é o processo que uma empresa realiza para contratar novos colaboradores. Dentro dele estão diferentes etapas, sendo que a principal é a entrevista. Esse momento é utilizado para analisar se o candidato preenche as exigências da vaga e se é compatível com a cultura da organização.

 

Diferenças entre recrutamento e seleção

 

Apesar de ser considerado um processo como um todo, há diferença entre recrutamento e seleção, e esses dois conceitos são complementares no processo.

 

Quando falamos em recrutamento, o foco é a atração de talentos. Ou seja, recrutar significa atrair os profissionais para que se interessem pela vaga oferecida pela empresa.

 

Já o termo seleção é mais autoeaxplicativo, pois consiste, de fato, em selecionar o melhor ou os melhores profissionais dentre todos que foram recrutados e que se candidataram ao cargo disponível.

 

Sendo assim, é na etapa de seleção que ocorre a entrevista, dinâmicas, testes técnicos e demais etapas que auxiliam a empresa a contratar o profissional mais qualificado e mais alinhado com a política interna do negócio.

 

Importância do processo de recrutamento e seleção

 

Sabendo o que é e entendendo a diferenciação entre recrutamento e seleção, fica o questionamento: por que esse processo é tão importante?

 

A resposta é objetiva: o capital humano é o mais valioso de uma empresa

 

Capital humano são os colaboradores que trabalham na organização. Afinal, todo negócio demanda pessoas para desempenharem funções, por melhor que seja a tecnologia adotada pela empresa.

 

São as pessoas que encontram soluções, formulam ideias, levantam sugestões, resolvem problemas e tomam decisões para que o negócio se desenvolva e cresça.

 

Portanto, o processo de recrutamento e seleção é primordial para encontrar e contratar as pessoas certas para cada função. Isto é, profissionais com competências e habilidades técnicas e pessoais que sejam compatíveis com aquilo que a empresa deseja.

 

Profissionais envolvidos no processo de recrutamento e seleção

 

Além de fazer as contratações por meio do processo de recrutamento e seleção, a empresa precisa contar com o apoio de especialistas que tenham qualificação para recrutar e selecionar.

 

Para isso, existem alguns perfis de profissionais que podem ser chamados para assumir esse papel. Veja a seguir:

 

Recrutador

 

O recrutador é um profissional que tem como função formular ações para despertar o interesse dos profissionais do mercado para a vaga que está sendo disponibilizada. Assim, ele é a pessoa que pensa em estratégias de atração de talentos.

 

Headhunter

 

Já o headhunter, apesar de ter um papel parecido com o recrutador, tem uma esfera de atuação um pouco mais específica.

 

De forma geral, esse profissional fica encarregado de encontrar colaboradores que preencham posições estratégicas dentro da empresa, como os cargos de liderança, por exemplo.

 

Business Partner

 

Mais uma figura importante no processo de seleção e recrutamento é a do Business Partner. Esse profissional pode ser comparado a um consultor interno. Isso porque seu papel é atuar próximo à diretoria da empresa e definir quais vagas serão abertas e quais serão os critérios aplicados na contratação.

 

Analista

 

O analista, por sua vez, é a pessoa que fica responsável pela parte mais operacional e prática do processo como um todo.

 

Ou seja, ele é quem vai organizar os currículos dos candidatos, entrar em contato e agendar as entrevistas, atuando como um suporte para os demais profissionais.

 

Psicólogo

 

Existe ainda a figura do psicólogo, que também é muito importante para o sucesso da seleção. É ele que tem a formação e a capacidade para avaliar o perfil comportamental dos candidatos para auxiliar na decisão da contratação.

 

O psicólogo identifica, por exemplo, traços de desvio de conduta com potencial de prejudicar o ambiente de trabalho.

 

Desse modo, a empresa corre menos riscos de fazer uma contratação negativa para o desempenho da equipe e do negócio. Além do mais, evita que eventuais desvios de conduta só sejam descobertos na prática, depois que a empresa já investiu tempo e recursos financeiros no treinamento do colaborador contratado.

 

Dicas para um bom processo de recrutamento e seleção

 

Até aqui entendemos a importância de um processo de recrutamento e seleção, diferenciamos os dois termos deste conceito e conhecemos os principais profissionais que devem fazer parte do processo.

 

Com isso, você deve considerar algumas dicas para ajudar a garantir um resultado mais positivo nas contratações. Acompanhe o que separamos:

 

1. Busque a inclusão e a diversidade

 

Ter uma equipe diversa e inclusiva é fundamental para que os profissionais lidem com diferentes pontos de vista sobre um mesmo assunto. Também ajuda no engajamento e no senso de parceria entre os colaboradores, sendo significativo para frisar a responsabilidade social da empresa.

 

Logo, incentive a diversidade e a inclusão nas etapas de recrutamento e seleção.

 

2. Otimize o processo com a tecnologia

 

Por ser um procedimento complexo, demorado e cheio de etapas, é essencial otimizá-lo para ter melhores resultados.

 

Nesse sentido, há softwares e sistemas especializados em divulgação de vagas e de triagem, que oferecem filtros para você identificar com mais rapidez e praticidade quais são os candidatos compatíveis com a vaga aberta.

 

Além disso, por meio de Inteligência Artificial (IA), por exemplo, você consegue fazer a seleção de currículos também a partir de filtros, dispensando a análise manual.

 

Então, busque novidades e ferramentas tecnológicas que acelerem o processo e, consequentemente, deixem-no mais econômico, pois, quanto mais rápido, menos recursos serão empregados.

 

3. Use a estratégia de Candidate Experience

 

Tanto para os candidatos que forem contratados quanto para os que não, deve-se deixar marcas positivas durante todo o andamento da seleção e recrutamento.

 

Esse é um diferencial, uma vez que, de acordo com uma pesquisa feita pela CareerBuilder, quase 70% dos profissionais entendem que a maneira como uma empresa conduz e organiza o processo de contratação reflete a forma como ela trata os colaboradores no cotidiano de trabalho.

 

Diante disso, foque em construir uma experiência boa para os candidatos. Sempre preze um tratamento humanizado respeitoso.

 

Tendo esse tipo de conduta, a empresa cria um ambiente no qual os candidatos não selecionados tenham interesse em retornar para seleções futuras e, até mesmo, indiquem-na para outras pessoas.

 

Siga as dicas que trouxemos e passe a encarar a contratação de novos profissionais com a importância que ela deve ter. Você irá perceber a diferença na qualidade das suas contratações!

 

Quer mais conteúdos que ajudarão você a desenvolver seu negócio? Navegue pelo blog do EAG e leia conteúdos sobre como delegar tarefas e muito mais!

O post Recrutamento e seleção: entenda a importância e como fazer apareceu primeiro em Blog EAG.

Tempo de leitura: 4 minutos Como é o processo de recrutamento e seleção da sua empresa? Se você deseja montar …
Leia Mais
O post Recrutamento e seleção: entenda a importância e como fazer apareceu primeiro em Blog EAG.

Deixe um comentário