Delegar é uma tarefa difícil? Siga 4 passos e entenda como funciona

Compartilhe esse conteúdo

Tempo de leitura: 4 minutos
  • Delegar expande os resultados daquilo que uma pessoa pode realizar para aquilo que muitas pessoas podem realizar. Por envolver outras pessoas através de delegação eficiente, nós temos o potencial de realizar mais coisas e entregar mais resultados. Além disso, várias cabeças pensam melhor do que uma. .Delegar nos da tempo livre para fazer coisas mais importantes. Muitas das atividades dos donos de PME podem ser feitas pelos seus funcionários. Se você delegar atividades de rotina você terá mais tempo para analisar e focar em outras atividades essenciais, além de liderar melhor e pensar nas inovações para a empresa.
  •  Delegar desenvolve seus funcionários. Muitas vezes não delegamos porque sentimos que nossos colaboradores não estão prontos para realizar alguma tarefa. Enquanto não delegamos nossas tarefas não desenvolvemos nossos colaboradores, seus conhecimentos, suas habilidades, competências, entre outros, e continuamos a sentir que nossos colaboradores não tem capacidade. Delegar é uma importante ferramenta de desenvolvimento de pessoas, mas exige paciência e disciplina.
  • Delegar ajuda a capacitar os funcionários, levando a tomada de decisões importantes. Fazendo isso, aprendemos que decisões envolvendo problemas em diferentes níveis dentro de uma organização são melhores resolvidos por aqueles que realmente executam a função. A tomada de decisão em níveis onde os colaboradores estão fazendo os produtos ou lidando com os clientes motiva e gera um sentimento de “dono”, para a tarefa que está sendo feita.

Quando os gestores decidem delegar antes de terem algum tipo de experiência, eles frequentemente cometem erros que impactam diretamente no desenvolvimento do funcionário e acabam prejudicando na hora deles realizarem as tarefas.

  • Ter uma atitude com seus colaboradores do tipo “eu posso fazer melhor”. Muitos donos de PME começam a realizar uma tarefa e acreditam que ainda são as melhores pessoas para executá-la, mesmo sabendo que eles estão sobrecarregados e podem delegar. A questão não é se o dono da empresa faz o trabalho com mais qualidade que o liderado, mas o benefício que o funcionário terá se desenvolvendo e performando realizando aquela tarefa, enquanto o dono da empresa planeja, delega, supervisiona e desenvolve o funcionário. Acredite no potencial do seu funcionário, ele pode acabar te surpreendendo.
  • Incapacidade de manter os funcionários informados sobre os planos da organização. Alguns empresários delegam funções sem providenciar todas as informações necessárias para realização da atividade. O funcionário devem estar totalmente informados para que eles possam tomar as melhores decisões para a empresa.
  • Falha na hora da cobrança e acompanhamento. Quando você não tem um método de acompanhar o que o seu funcionário está fazendo, acontecem duas coisas. Primeiro você comunica para o liderado que a tarefa que você delegou para ele não é importante. Segundo, você está colocando você e seu funcionário a beira do fracasso. Estabeleça com ele datas específicas para checagem do progresso da tarefa com intervalos determinados desde o começo da atividade até o final.
  • Falta de espaço para o liderado dar as suas ideias. Quando você não pergunta a opinião do seu colaborador ou não o incentiva a ter novas ideias, você não está dando valor ao seu funcionário. Na verdade, você está limitando o crescimento dele na empresa. Encoraje seu funcionário a ser criativo e a desenvolver novas habilidades quando for desempenhar alguma função.
  • Falha ao dar créditos ao funcionário por ter assumido a responsabilidade. Reconhecer o sucesso de um funcionário quando você delega uma atividade é fundamental. Dê crédito quando o crédito for merecido. Você não irá apenas ganhar um liderado entusiasmado, mas um leal também.

Em um outro post no nosso Blog , nós colocamos um vídeo dos participantes do programa EAG, onde eles fizeram uma dinâmica em que o tema era delegação, e eles deram dicas preciosas que você pode ver clicando aqui Falar é fácil, difícil é colocar essas ações em prática e saber quais tipos de tarefas devem ser delegadas. Isso pode te confundir um pouco quando você for passar uma tarefa ao colaborador. Deste modo, há basicamente quatro passos sobre como decidir quais tarefas que você faz hoje que podem ser delegadas:

Passo #1 – Analise seu trabalho

A maneira mais fácil de analisar seu trabalho é fazendo uma lista das atividades que você desempenha no dia a dia. Quanto mais completa estiver essa lista, melhor será para descobrir quais atividades você vai preferir delegar.

Passo #2 – Classifique suas atividades

Eu gosto de categorizar cada uma as atividades como verde, amarelo e vermelho, sendo que verde se refere as atividades que são mais importante para seu negócio; amarelo para aquelas que são razoavelmente importantes e as vermelhas são as atividades que são pouco importantes para a sua empresa.

Passo #3 – Estimatize o tempo de cada atividade

Lembre que o total não deve ser superior a 100% ____% verde ____% amarelo ____% vermelho TOTAL 100%

Passo #4 – Decida o que delegar e para quem 

Agora chegou a hora que você precisa decidir quais atividades vai delegar e quem ficará responsável pela sua entrega. Se você se preocupa com o sucesso da sua empresa, delegue todas as atividades em vermelho e o máximo possível de atividades em amarelo para que você possa focar nas atividades verdes, que são as que geram maior valor para a sua organização. Com isso, comece anotando o tempo que você gasta em cada atividade. Por que é importante anotar? O motivo pelo qual eu peço para que você anotar o número aproximado de minutos que você irá economizar se você delegar cada tarefa é porque a maioria das pessoas não percebe como poucos minutos a cada dia no final acumulam. Delegar é uma forma inteligente de liderar pessoas proporcionando autoridade, responsabilidade e comprometimento com o liderado, além de estimula-lo a trazer novas ideias e soluções para os problemas da empresa. Delegar é favorecer o desenvolvimento de novas aptidões dos seus funcionários, motivá-los e criar senso de iniciativa e proatividade. Se você deseja que sua empresa evolua em resultados acredite que delegar é o caminho certo. Em um outro post no nosso Blog , nós colocamos um vídeo dos participantes do programa EAG, onde eles fizeram uma dinâmica em que o tema era delegação, e eles deram dicas preciosas que você pode ver clicando aqui ]]>